domingo, 20 de março de 2011

Serra de Figueira

Fotos: Antero Neto.

Depois de uma noite passada à volta de um arroz de lampreia em casa de amigos (confesso que não aprecio particularmente a textura e o paladar do ciclóstomo, mas o molho estava divinal e o bicho lá marchou sem grandes favores...), a manhã exigia caminhada redentora.
Parti numa segunda demanda do castro de Figueira. E pela segunda vez falhei. A vegetação em torno do maciço rochoso é demasiado densa e não permite grandes explorações. Suspeito que a fortificação terá outrora existido onde hoje se situa o templo católico dedicado a S. Cristóvão (não seria o primeiro...). Mas não possuo nenhuma referência concreta.
Restam pois as imagens de um percurso pedestre magnífico (não fossem os irritantes canídeos à saída da aldeia...), que aconselho vivamente aos entusiastas do campo e das passeatas em grupo.